domingo, 10 de maio de 2009

Moving to another corner

Depois de alguma reflexão, decidi mudar o meu blog para

As razões movem-se fundamentalmente pelo facto do editor do blogspot ter alguns bugs que me atormentam a paciência, o que torna a edição de conteúdo por vezes um pouco caótica.
O Spaces do Live tem uma enorme vantagem no contexto da edição, nomeadamente pela integração com o Windows Live Writer ser perfeita e facilitar tremendamente a criação e edição de conteúdos.

Contudo, tenho a dizer que o blogspot para mim é sem dúvida excelente do ponto de vista de parameterização do layout do blog, superando e muito o que nesse aspecto é demasiado limitado, no momento da criação do layout cheguei a odiá-lo, mas para mim foi mais importante a questão da edição pelo facto de me poupar imenso tempo quando crio conteúdos.

Quem tiver interesse ou curiosidade que siga o novo link. Pela maior frequência com que escrevo no blog do live, dá para notar que a questão do editor Windows Live Writer tem um papel importante neste campo.

By the way, eu sei que o writer também pode servir de editor para outros blogs, eu passei por essa fase mas a integração revelou-se um pouco instável.

Um bem haja a todos.

R-Tape Loading error,
Luís Rato

quarta-feira, 17 de setembro de 2008

Network Monitor 3.2 is available now!

Hi ladies and gentleman,

It might sound crazy but here I am again posting new stuff for you guys, this time sharing the announcement from the that Network Monitor 3.2 has been released today.

Some bugs have been fixed and there is a lot of new features added based on users feedback. If you are one packet sniffing lover I bet that you will enjoy this new version.

You can check below the link for download and the list of new features.

Where are the bits available for download:

Network Monitor 3.2 is available on on the link below: are also available in the downloads section on the Connect site.

Network Monitor 3.2 will also be offered as an optional feature package in the next few weeks via Microsoft Update if you have a previous version of Network Monitor 3.x installed. To check for updates, click on Help>Check for Updates from the product menu (versions 3.1 and higher) or visit the site

What's New in Network Monitor 3.2:

  • Process Tracking: Now you can identify rogue applications sending network data! View all the processes on your machine generating network traffic (process name and PID). Use the conversation tree to view frames associated with each process.
  • Capture engine re-architecture to improve capture rate in high-speed networks. Network Monitor 3.2 drops significantly fewer frames that Network Monitor 3.1.
  • Find conversations: You asked for this. Many of our users found conversation tracking to be difficult to use as the view grew hard to manage, and it was difficult to correlate the frames they were seeing with the conversation nodes in the tree. Now, you can quickly isolate frames in the same network conversation. Just right-click on a frame and select a conversation to track, and you will see all the frames in that conversation. View TCP streams, HTTP flows etc.
  • Extensive parser set: Parsers for over 300 protocols! As before, the parsers are fully customizable.
  • Better parser management: By default only a subset of parsers are loaded. You can load the full parser set by going to Tools>Options>Parser and choose Full vs. Stub implementations.
  • CodePlex Ready: In the upcoming months, we plan to place all our Windows parsers on the Microsoft open-source CodePlex site and allow the community to modify and contribute parsers. You can find out more information on this here. This version of Network Monitor seamlessly integrates new parser packages.
  • Network Monitor API: Create your own applications that capture, parse and analyze network traffic!
  • More extensive documentation of the API and NPL. Access the documentation from Help > NPL and API Documentation.
  • IA64 builds.
  • PCAP capture file support*.
  • ContainsBin Plug-in: Search frames for arbitrary byte sequences or strings.
  • . and more. See our Release Notes in the Help directory of the installation folder for a complete list of new features and known issues.
R-Tape Loading error,
Luís Rato

Be proactive with the Microsoft Best Practices Analyzer tools

Hi boys and girls,

I suppose that you are missing the big daddy over here but for a couple of reasons I have been out of blogging stuff and whatever damn thing related with computing. Long, long, long…. story of my life during the last 9 months, but it is not my purpose to tell or mention anything here… and no, don’t ask about it because I will not answer.

This post symbolizes my return and I think that there’s nothing best than show you something quite useful.

Sometimes administering corporate environments might be as crucial as challenging and to keep your systems up and running with the optimal performance and healthy at the same time I bet that you would love to have an out-of-the-box solution. The Holy Grail is just around the corner with more than a dozen of Microsoft Best Practices Analyzer (aka BPA) tools, they can help you to do some important tasks like system health analysis, performance analysis or performance baseline.
Each BPA tool is designed for a specific product and they can either include tests for components or services that have a direct influence with the tool designed technology, as an example the BPA tool for Exchange will do validation tests on domain controllers, DNS, IIS metabase, 3rd party antivirus, hardware drivers and so on. At the end you will get a report that will pinpoint any issue on your system and present you with the recommendations or considerations to mitigate all those issues and leverage your system for an optimal performance and condition.

I have collected the list of the currently available Microsoft Best Practice Analyzer tools with the corresponding link and brief explanation. Just check it out below, download and install, quit your solitaire or minesweeper and start doing something proactive and useful, I bet that your managers will love that work and results. And dude if you get promoted because of this don’t forget to pay me a beer. :)

Microsoft Best Practices Analyzers
Microsoft Internet Security and Acceleration (ISA) Server Best Practices Analyzer Tool
The ISA Server Best Practices Analyzer is a diagnostic tool that automatically performs specific tests on configuration data collected on the local ISA Server computer from the ISA Server hierarchy of administration COM objects, Windows Management Instrumentation (WMI) classes, the system registry, files on disk, and the Domain Name System (DNS) settings. The resulting report details critical configuration issues, potential problems, and information about the local computer. By following the recommendations of the tool, administrators can achieve greater performance, scalability, reliability, and uptime.

Microsoft Exchange Best Practices Analyzer v2.8
The Exchange Server Best Practices Analyzer programmatically collects settings and values from data repositories such as Active Directory, registry, metabase and performance monitor. Once collected, a set of comprehensive ‘best practice’ rules are applied to the topology. Administrators running this tool will get a detailed report listing the recommendations that can be made to the environment to achieve greater performance, scalability and uptime.
See the Exchange Team blog for more info on the Exchange 2007 Readiness Check: Additional Exchange Analyzer tools are available here.

SQL Server 2005 Best Practices Analyzer
The SQL Server 2005 Best Practices Analyzer (BPA) gathers data from Microsoft Windows and SQL Server configuration settings. BPA uses a predefined list of SQL Server 2005 recommendations and best practices to determine if there are potential issues in the database environment.

Microsoft Best Practices Analyzer for Windows SharePoint Services 3.0 and the 2007 Microsoft Office System
The Microsoft Best Practices Analyzer for Windows SharePoint Services 3.0 and the 2007 Microsoft Office System Best Practices Analyzer programmatically collects settings and values from data repositories such as MS SQL, registry, metabase and performance monitor. Once collected, a set of comprehensive ‘best practice’ rules are applied to the topology. Administrators running this tool will get a detailed report listing the recommendations that can be made to the environment to achieve greater performance, scalability and uptime.

Microsoft Forefront Client Security Best Practices Analyzer
The FCS Best Practices Analyzer Tool is designed for administrators who want to determine the overall health of their Forefront computers and to diagnose current problems. The tool scans the configuration settings of the computer and reports issues that do not conform to the recommended best practices.

Office Communications Server 2007 Best Practices Analyzer
The Microsoft Office Communications Server 2007 Best Practices Analyzer Tool is a diagnostic tool that gathers configuration information from a Microsoft Office Communications Server 2007 environment and determines whether the configuration is set according to Microsoft best practices. You can install the tool on a client computer that runs Microsoft .NET Framework 2.0, or on a server that runs Office Communications Server 2007.

Windows Small Business Server 2003 Best Practices Analyzer
This tool examines a server that is running Windows Small Business Server 2003. The tool collects configuration information from many sources including the following sources:
· Active Directory Windows Management Instrumentation (WMI)
· Registry
· Metabase
Then, the tool analyzes the collected information, and the tool verifies this information for correctness. After the tool has collected and analyzed the information, the tool presents a list of issues that are sorted by severity. For each issue, the tool provides descriptions of what the problem is and of how you can fix this issue.

ASP .NET Best Practice Analyzer
The Best Practice Analyzer ASP.NET (alpha release) is a tool that scans the configuration of an ASP.NET 2.0 application. The tool can scan against three mainline scenarios (hosted environment, production environment, or development environment) and identify problematic configuration settings in the machine config or web config files associated with your ASP.NET application. This is an alpha release intended to gain feedback on the tool and the configuration rules included with it.

BizTalk Server 2006 Best Practices Analyzer
The BizTalk Server 2006 Best Practices Analyzer performs configuration-level verification by reading and reporting only. The Best Practices Analyzer gathers data from different information sources, such as Windows Management Instrumentation (WMI) classes, SQL Server databases, and registry entries. The Best Practices Analyzer uses the data to evaluate the deployment configuration. The Best Practices Analyzer does not modify any system settings, and is not a self-tuning tool.

Microsoft System Center Mobile Device Manager 2008 Resource Kit - Best Practices Analyzer
MDM Best Practices Analyzer (BPA) Tool helps you to analyze the prerequisites for MDM setup and deployment. Because each MDM server component has different prerequisites, the tool helps you to plan and build a successful deployment environment by assessing each server's readiness for MDM before you run MDM Setup.In addition to analyzing each server's individual readiness, BPA Tool helps you to verify the firewall configuration that MDM requires between servers running MDM Device Management Server and servers running MDM Gateway Server.Finally, after you deploy MDM, you can run a post-deployment scan to help make sure your installation works properly and follows MDM best practices.

Microsoft Commerce Server 2007 Best Practices Analyzer
The Microsoft Commerce Server Best Practices Analyzer performs configuration level verification, by reading and reporting only. For example, the Best Practices Analyzer gathers data from Windows Management Instrumentation (WMI) classes, Microsoft SQL Server databases, registry entries, IIS Metabase Settings, and other parts of your deployment, and uses the gathered data to determine whether best practices are being followed. The Best Practices Analyzer does not modify any system settings, and is therefore not a self-tuning tool.

Visual Studio Team System 2008 Team Foundation Server Power Tools with TFS BPA
The Visual Studio Team System 2008 Team Foundation Server Power Tools is a set of enhancements, tools and command line utilities that improve the Team Foundation Server user experience. This download includes Best practice analyzer for TFS along with other important tools

Group Policy Diagnostic Best Practice Analyzer for Windows Server 2003 (
32 bit and 64 bit Editions)
The Microsoft Group Policy Diagnostic Best Practice Analyzer (GPDBPA) for Windows XP and Windows Server 2003 is designed to help you identify Group Policy configuration errors or other dependency failures that may prevent settings or features from functioning as expected.

R-Tape Loading error,
Luís Rato

segunda-feira, 31 de março de 2008

Social network offline during all day

Hi camaradas,

o dia 31 de Março de 2008 irá ficar marcado certamente na memória dos representantes do site Se tentaram aceder ao site devem-se ter deparado certamente com alguma coisa de errado.

"We have power in one of the rooms in the datacenter and will connect the other room to a mobile power plant with diesel generator which will arrive in the next hour"

São situações como esta que se tornam devastadoras em termos de credibilidade, além de representar uma elevada perda de dinheiro. Num site de uma rede social como este que provavelmente deve gerar milhares de dólares em publicidade, creio que o dia de hoje terá que servir para questionar algumas coisas, como por exemplo:

Questão 1:
Porque não havia um plano de Disaster Recovery?

Questão 2:
Porque é que o único datacenter existente não tem um gerador para suportar um Power Outage? Será que existia e por coincidência avariou? Será que o gerador alguma vez foi testado ou é testado periodicamente?

Questão 3:
Porque é que o site não está também alojado num site de Disaster Recovery?

Conhecendo eu o mercado nacional da forma que conheço, espanta-me que ainda não tenha surgido um "apagão da cegonha" que venha por a nú a verdadeira realidade nacional.
Que isto sirva de aviso a todos os gestores que dizem e pensam que "temos mais onde gastar o dinheiro", depois queixem-se como os amigos do Netlog que agora devem estar a dar com a cabeça nas paredes.

R-Tape Loading error,
Luís Rato

segunda-feira, 24 de março de 2008

Technology: Vision of the Future

Em Fevereiro de 2008 durante a minha participação num evento em Seattle, tive o privilégio de assistir a uma sessão geral do físico teórico e Futurologista Dr. Michio Kaku (
Como apaixonado que sou pelas tecnologias (não sou nenhum nerd, tenho outras paixões na minha vida :P), poder assistir a uma sessão de futurologia tecnológica é algo que realmente agarra a atenção de qualquer um, neste caso estou a falar sobre "Vision of the Future".

A essência da visão do Dr. Michio Kaku é que os chips vão estar em todo o lado, não estamos a falar daquilo que é tradicional nos dias de hoje, como usar chips em computadores, dispositivos electrónicos de toda a ordem, carros, aviões, etc., estamos a falar em recorrer ao uso de chips em tudo aquilo que nos rodeia, nomeadamente em infra-estruturas como estradas, paredes de edifícios ou em materiais como chapa de veículos, vidros de janelas e até dentro de nós próprios, tudo isto irá permitir-nos dotar certos componentes ou corpos com algum nível de inteligência, algo que nós vamos poder medir, observar e analisar.

Tudo isto só será possível porque os chips serão cada vez mais pequenos e até mais baratos que o papel. As nossas exigências e ambição evolutiva vai levar-nos a atingir metas que nunca antes foram possíveis, com os chips a assumirem aqui um papel fundamental.

Outra das suas visões prende-se com a estagnação da Lei de Moore, 'in a nut shell' estamos a falar da duplicação da capacidade de processamento em cada 24 meses (ou 18 meses em teorias mais recentes) com a manutenção do mesmo nível de custos - tese defendida pelo co-fundador da Intel Gordon Moore numa publicação sua em 1965 (porque será que lhe chamaram lei de "Moore"??? Duh!).
A explicação para isto é simples, os CPUs consomem energia eléctrica que é dissipada por acções de componentes do CPU, como é o caso dos transístores. Estes servem para amplificar e chavear sinais eléctricos, mas alguma dessa energia é perdida em forma de calor.

Atendendo ao facto que o aumento da capacidade dos processadores está também relacionado com o aumento do número de transístores dentro de um CPU, leva-nos a que a arquitectura de um CPU seja direccionada para a compactação dos transístores.
Actualmente temos CPUs com uma arquitectura de 45 namómetros, quer isto dizer que cada transístor fica distanciado entre outros a 45 milionésimos de um milímetro, com um maior número de transístores e redução da distância entre eles, estamos perante um grave problema de aumento de calor.

Percebem agora porque é que os dissipadores dos CPU's são cada vez maiores e as caixas dos vossos PC's têm diversas ventoinhas?

Obviamente que os construtores de CPU's estão atentos a este fenómeno do "aumento da capacidade = aumento de calor", daí que para combater esta situação começaram a surgir CPU's com múltiplos cores. Actualmente já estão disponíveis no mercado CPU's com 2 (dual) e 4 (quad) cores, estando inclusivamente previsto para o próximo semestre CPUs com 6
(hexa) cores. Agora se vocês repararem, os Cores em si não passam dos 3Ghz, tal facto deixa bem evidente que este é o limite razoável de "processamento Vs Calor". Doravante vamos continuar a assistir a um aumento da capacidade em função do crescimento do número de Cores, algo que é também possibilitado por uma redução do tamanho da arquitectura dos CPUs (namómetros, lembram-se?).

As complicações não ficam por aqui, o facto de termos múltiplos cores dentro de um processador com o objectivo de aumentar a sua capacidade de processamento, isto é possibilitado através do método de paralelismo de processamento, quer isto dizer que uma determinada instrução no CPU pode ser distribuída por diversos cores e processada de forma paralela.
A grande questão é que isto acarreta outro problema, através do multiprocessamento paralelo a complexidade de desenvolvimento e programação de software aumenta exponencialmente.

Neste aspecto as empresas que desenvolvem software e sistemas operativos podem ter um papel importante se criarem frameworks que possibilitem tornar a programação em Multi-core tão simples como em single-core.
A Microsoft pretende continuar a desenvolver novas soluções de software que possibilitem uma integração tecnológica com as pessoas de forma cada vez mais natural (natural computing ou natural user interface, vão ouvir falar muito disto no futuro), pelo que o aumento da capacidade de processamento tem aqui um papel importante. Se voltarmos atrás à mesma questão da complexidade de desenvolvimento de software em paralelismo multi-core, Empresas como a Microsoft estão perante um sério problema que remete para uma questão, como é que evoluímos o nosso software se não adaptarmos os meios de desenvolvimento ao multiprocessamento paralelo?

A resolução deste problema é altamente complexa e crucial para a evolução de software nos próximos 10 anos, daí que a Microsoft Research estar a trabalhar activamente neste assunto (ver link em baixo).

Microsoft Research - Safe and Scalable Multicore Computing

Por todas as limitações já aqui referenciadas impõe-se uma mudança radical, de tal forma que o fim da era dos transístores de Silicone pode estar já ao virar da esquina. O Dr. Michio Kaku revela-nos que o Quantum Computing pode tornar todos os actuais sistemas ridiculamente obsoletos.

Computador Quântico:
"Um computador clássico tem uma memória feita de bits. Cada bit guarda um "1" ou um "0" de informação. Um computador quântico mantém um conjunto de qubits. Um qubit pode conter um "1", um "0" ou uma sobreposição destes. Em outras palavras, pode conter tanto um "1" como um "0" ao mesmo tempo. O computador quântico funciona pela manipulação destes qubits."

Em termos teóricos, as tremendas capacidades de processamento de um computador Quântico podem decifrar problemas de cálculo de uma forma tão eficaz que os actuais algoritmos de cifra de chaves públicas podem ser quebrados de uma forma tremendamente rápida. Isto leva-nos para o problema da possibilidade de quebra das actuais protecções, tão comuns para a protecção de dados e privacidade (como exemplo o home banking), pelo que estão já a ser estudados novos métodos de protecção como é o caso da cifra em Quantum.

Todas estas e outras visões do Dr. Michi Kaku, tais como a evolução da inteligência artificial, homem vs máquina, natural user interface, evolução na medicina, etc., estão registadas num documentário, pelo que perante o enorme interesse que revelam, partilho aqui convosco os diversos links do Youtube onde o documentário foi particionado em forma de episódios.

Confesso que uma parte da visão do Dr. Michi Kaku é um pouco assustadora, especialmente no que está relacionado com a forma como o homem vai coexistir com a tecnologia. Acham que não é possível? Acreditem que é, o que é preciso é irem-se habituando à ideia, nada mais.

Vision of the Future:

Vision of the Future 2:

Vision of the Future 3:

Vision of the Future 4:

Vision of the Future 5:

Vision of the Future 6:

Vision of the Future 7:

Vision of the Future 8:

Vision of the Future 9:

Vision of the Future 10:

Vision of the Future 11:

Vision of the Future 12:

Vision of the Future 13:

Vision of the Future 14:

Vision of the Future 15:

Vision of the Future 16:

Vision of the Future 17:

Vision of the Future 18:

Vision of the Future 19:

R-Tape Loading Error,
Luís Rato

quarta-feira, 19 de março de 2008

How to install Huawei E220 on Windows Vista 32/64 bit

Olá a todos,

provavelmente já muitos de vós se depararam com problemas em máquinas Windows Vista 32/64 bits na instalação do modem USB 3G Huawei E220 (aka sabonete) que é distribuído por uma série de ISPs nacionais.

Ora bem, a instalação do famoso sabonete numa máquina Windows XP está ao alcance de qualquer newbie, mas no que toca à instalação do dito sabonete numa máquina Vista pode tornar-se num verdadeiro momento de "apanha o sabonete", desculpem a expressão mas é mesmo assim.

O que acontece é que grande parte destes modems foram distribuídos com uma Firmware antiga e sem drivers para Vista (dashboard dentro da storage do modem), o que torna o processo de instalação verdadeiramente complexo. Muitos dos que já passaram por isto, devem ter notado que assim que ligam o modem por USB, este é detectado como um dispositivo USB Mass Storage. Tentar aplicar drivers para Windows Vista em cima deste dispositivo revela-se quase impossível, é preciso ter muita arte e engenho para conseguir transformar o dispositivo USB Mass Storage num Modem 3G Huawei.

Aquilo que pretendo com este post é tornar acessível ao comum dos mortais o processo de instalação do Modem USB Huawei E220 (sabonete) num Windows Vista.

Agora chega de conversa e vamos ao que é realmente importante.

Existem 3 componentes essenciais no Modem USB Huawei E220:

- Driver do Windows Vista;
- Firmware do Modem compatível com Windows Vista;
- Dashboard Software (software de ligação e drivers que ficam guardados num espaço de storage do próprio modem, possibilitando a instalação na máquina a partir daqui);

A instalação destes 3 componentes é feita em 2 acções separadas, as quais irei explicar já a seguir.

FASE 0 - Remover Software do Modem Huawei E220

Se já instalaram algum tipo de software que acompanha o modem que é disponibilizado pelo pacote do vosso ISP ou através da instalação a partir da Storage do próprio modem, recomendo que procedam à sua desinstalação.

  • Ir ao Botão de Start no Windows > Control Panel > Programs and Features, na lista de software instalado, clicar em cima do respectivo software do modem e clicar no botão "Uninstall";
  • Assim que estiver concluído o processo de remoção façam Restart ao computador;

FASE 1 - Instalar os 3 componentes através do DataCard Update Tool

Os 3 componentes supracitados podem ser instalados através de uma única ferramenta. Mas há um deles que numa fase posterior iremos substituir, passo a explicar porquê.

Através do site da VodaFone Mobile Connect iremos fazer download do software de actualização do modem através do seguinte link:

Este software de actualização permite actualizar os drivers do Vista, fazer upgrade do firmware do modem e actualizar o Dashboard com os drivers e software de ligação com o perfil da Vodafone.

Já devem estar a perguntar, "então e eu que tenho TMN ou Optimus?"

A resposta é simples, o Dashboard da Vodafone vai ser substituído por um Dashboard nativo da Huawei que é compatível com qualquer um dos 3 ISPs nacionais. Explico isso mais daqui a pouco.

Eis os passos a seguir para instalar a actualização:

  • Depois de terem feito download do ficheiro, façam unzip do pacote;

  • Executar o ficheiro 'Datacard Update Tool.exe';

  • Na janela da aplicação clicar em 'Patch';

  • Aguardem algum tempo para que seja concluído o processo de instalação de drivers do Modem Huawei E220. Certamente irão notar a alteração do dispositivo USB Mass Storage para o Modem 3G Huawei;
  • Assim que o driver tiver instalado, vai aparecer a janela de actualização do Firmware do modem. É obrigatório terem a versão de firmware Provavelmente no final da actualização é capaz de surgir um erro mas não se assustem porque a actualização é feita com sucesso;


  • Finalizado o processo de upgrade da firmware, chega o momento de actualização do Dashboard . Visto que o Dashboard vai ser actualizado mais tarde com a versão nativa da Huawei, podem até cancelar este processo aqui, caso queiram levar o processo até ao fim, vão seguindo as instruções de actualização;

  • No fim da instalação cliquem no botão de Exit;

FASE 2 - Actualizar o Dashboard do Modem Huawei E220

Recomendo vivamente que usem o novo software de ligação da Huawei que dá pelo nome de 'Mobile Partner'. Este software substitui o antigo software 'Remote Connect' que tinha alguns bugs de ligação.

Para terem acesso ao software é preciso actualizar o Dashboard do Modem Huawei E220. O Dashboard é apenas uma storage que existe dentro do modem onde ficam guardados os drivers do Modem e Software de ligação, é como terem um CD de instalação do Modem, só que em vez de correr a partir de um CD, corre a partir de uma Drive que é disponibilizada pelo modem (Se abrirem o My Computer vão ver que têm uma drive de CD-ROM a mais, trata-se da Storage do Modem).

Antes de mais façam download do novo Dashboard no seguinte link do site da Huawei e sigam os passos em baixo:

FASE 3 - Instalar e configurar o software de ligação 'Mobile Partner'

Depois de actualizado o Dashboard (ver FASE 2) o vosso modem passou a ter disponibilizado dentro da sua Storage o software para ligação à internet que dá pelo nome de 'Mobile Partner'.

Para instalarem o software de ligação à Internet 'Mobile Partner' sigam os seguintes passos:

  • Se ligarem o modem por USB o Autorun do software do modem deve abrir de imediato uma janela, se assim for cliquem na opção para fazer 'Setup'. Se por acaso o modem já estivesse ligado e o Autorun não tenha sido despoletado, ao acederem ao 'My Computer' vão verificar que têm uma unidade de CD-ROM com o nome 'Mobile Partner';

  • Se fizerem double-click na unidade de CD-ROM 'Mobile Partner' o Autorun do software é activado que por sua vez activa também o Setup de instalação. Por algum motivo se o Autorun não for activado, acedam ao conteúdo dessa unidade de CD e façam double-click sobre 'Autorun.exe';

  • Sigam o processo de instalação até ao fim (Next, next.... Finish);

  • Findo o processo de instalação façam double-click no ícone 'Mobile Partner' que foi adicionado ao vosso desktop;

  • Ao acederem ao software de ligação 'Mobile Partner' irá aparecer uma janela onde deverão inserir o 'PIN' do cartão 3G;

  • Seguidamente teremos apenas que proceder com algumas configurações básicas de modo a possibilitar a ligação. Neste caso particular é necessário criar um perfil de ligação que servirá para todas as ligações futuras à internet. Para tal, no menu cliquem em 'TOOLS' e depois em 'OPTIONS...';

  • Na janela das opções, do lado esquerdo do ecrã cliquem em 'Profile Management'. Do lado direito cliquem no botão 'NEW', na configuração 'DIAL UP' no campo 'Profile Name' atribuam um nome ao perfil e cliquem no botão 'OK';

  • Nesta fase o software de ligação já está pronto a ser utilizado para acederem à internet, ainda assim opcionalmente podem configurar o modem para utilizar apenas uma ligação 3G. Para tal, no menu cliquem em 'TOOLS' > 'OPTIONS', do lado esquerdo da janela das opções cliquem em 'NETWORK', no campo de 'NETWORK TYPE' activem a opção 'WCDMA ONLY', por fim cliquem no botão 'OK';
Para mais informações sobre o WCDMA vejam o seguinte link:

  • Chegou então o grande momento de acederem à Internet sem qualquer tipo de Stress. Na janela principal deverá aparecer o nome do perfil que criaram, basta clicar no botão 'Connect' e voilá, já podem aceder à net para ver gajas boas!

R-Tape Loading Error,
Luís Rato

quinta-feira, 6 de março de 2008

Internet Explorer 8 Beta 1 - Hello World - Acid 2 compatible

Quando todos menos esperavam eis que é lançada a primeira versão beta do Internet Explorer 8.

Windows Internet Explorer 8 Beta 1 Release Notes

Uma das grandes preocupações no desenvolvimento do IE8 centra-se na compatibilidade com Standards. Um desses exemplos prende-se com a compatibilidade com o Acid2 (o famoso smile hello world). Podem validar os testes de compatibilidade do Acid2 através do link

Tenho visto alguns artigos na web onde alegam que o IE8 beta 1 ainda não é compatível com o Acid2 falhando o respectivo teste. Isso não é verdade e tal facto até mereceu um post do IE team da Microsoft onde é explicado detalhadamente essa situação.

Post IE team blog sobre compatibilidade com Acid2:

Links para Download:
Windows Internet Explorer 8 Beta 1 for Windows Vista and Windows Server 2008
Windows Internet Explorer 8 Beta 1 for Windows Vista 64-bit Edition and Windows Server 2008 64-bit Edition
Windows Internet Explorer 8 Beta 1 for Windows XP
Windows Internet Explorer 8 Beta 1 for Windows Server 2003 SP2
Windows Internet Explorer 8 Beta 1 for Windows Server 2003 SP2 64-bit Edition or Windows XP Professional 64-bit Edition

R-Tape Loading Error,
Luis Rato